Mensagens

A mostrar mensagens de Dezembro, 2008

É muito fácil vencer um espantalho!

A propósito de Mugabe, Zimbabwe e a análise dita acadêmica Muito já se disse sobre Robert Mugabe, sobre a crise económica em que o seu país mergulhou, sobre a cólera e sobre seus generais. Contrariamente ao que alguns académicos querem nos convencer, a situação no Zimbabué é sim péssima e requer uma solução urgente para salvar a vida das pessoas. Requer também o cometimento de todos os povos e principalmente da voz firme dos povos vizinhos, incluindo Moçambique. Aconselho a quem quiser ainda “compreender o que se está a passar no Zimbabué”, que aguarde, para dar espaço aos que já a compreenderam e tem propostas concretas. Que não se junte ao debate que em determinados círculos está a decorrer. Sim, porque não se pode andar, quando uns estão sempre nos alertando - puxando-nos as camisas - para “reflectirmos” sobre o que está acontecer no Zimbabué, quando todos os dias pessoas estão a morrer e Mugabe está cada vez mais teimoso. Pior, quando estes académicos sempre se consideram mais “cautel…

Três varinhas de maçaniqueira e um peixe-preto para Fernando Mazanga

Este comentário vem a propósito do programa televisionado ontem na STV, de nome Debate Aberto e moderado por Atanásio Marcos – parabéns Atanásio por tão bela prestação!
O programa pretendia debater a retumbante derrota que a Renamo acaba de consentir nas recentes eleições autárquicas e as implicações que esta pode ter nas próximas eleições provinciais e gerais do próximo ano. Pretendia também debater o conteúdo e significado das recentes afirmações de alguns deputados e membros seniores da Renamo, que são por um Congresso Extraordinário, de forma a “salvar” o partido e reorientar as estratégias, actos que também passariam pela eleição de uma nova liderança.Estavam presentes Fernando Mazanga, porta-voz da Renamo, Dionísio Quelhas, quadro sénior da Renamo e a primeira pessoa que publicamente clamou por um Congresso Extraordinário e Dr. José Jaime Macuana, docente universitário.Confesso que assisti ao programa com muito interesse, dada a peculiar forma como os componentes do painel de deb…