Hoje na História

19/01/1983

- A África do Sul volta a governar a Namíbia após cinco anos de governo semi-autónomo no país.

Na sequência da Conferência de Berlim, em 1885, a Alemanha passou a administrar o território do Sudoeste Africano até à sua derrota na Primeira Guerra Mundial. Nessa altura, a União Sul-Africana obteve o mandato da Liga das Nações para administrar aquele território, mas não o substituiu por um mandato da ONU, em 1946, ficando a ocupar o território como se fosse uma quinta província.

Em 1966, a SWAPO (South-West Africa People's Organisation), um movimento independentista lançou uma guerra de guerrilha contra as forças ocupantes, mas só em 1988 o governo sul-africano acedeu a terminar a sua administração do território, de acordo com um plano de paz das Nações Unidas para toda a região.

A Namíbia se tornou independente da África do Sul em 1990.

A Faixa de Caprivi, terrítório estreito e longo ao norte do país, foi anexada através do Tratado de Helgoland-Zanzibar, assinado entre a Inglaterra e a Alemanha em 1890, isso em virtude de o então Sudoeste Africano Alemão não contar com "nenhuma saída estratégica para um grande rio africano". A partir de então, a Namíbia ganharia acesso ao Rio Zambezi.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Gwaza Muthini, na forma como a conhecemos hoje é um BLUFF HISTÓRICO.

O tempo da comunicação

PENSAR NA PAZ SABENDO O QUE FAZER: ENTRE O VAZIO DAS PALAVRAS E O BELICISMO, A TERCEIRA VIA